top of page
Neotropical_forest_CR_CM.jpg

Genômica adaptativa de espécies neotropicais

Somos um grupo de cientistas que visa formar uma rede de colaborações para o estudo de genômica adaptativa em espécies neotropicais.

Objetivos

Estabelecer um consórcio de especialistas para aplicar abordagens genômicas a espécies neotropicais por meio de treinamento, transferência de conhecimento e análises conjuntas de vários subprojetos, com foco na base genômica de características adaptativas que favorecem a diversificação de espécies.

Conectar especialistas em genômica do Brasil, da Alemanha e de outros países que trabalham com espécies neotropicais emblemáticas.

 

Análises genômicas comparativas e populacionais aprofundadas de vários genomas de alta qualidade gerados por meio de projetos genoma.

Treinamento de estudantes e jovens pesquisadores em novas técnicas genômicas por meio de workshops e durante estadias no exterior

Geração e análise de novos dados genômicos que representam a divergência intraespecífica e a adaptação ambiental diferencial das diferentes espécies.

Elaboração conjunta de novas propostas visando ao financiamento externo para expandir o conjunto de espécies

 

Estabelecimento de protocolos legais e técnicos para garantir um futuro intercâmbio igualitário de amostras de tecido, dados genômicos e pesquisadores.

História

Em 2022, o GenoTropics foi fundado como um consórcio binacional brasileiro-alemão composto por especialistas em abordagens genômicas para o estudo de espécies neotropicais. O estabelecimento do consórcio foi financiado pelo programa PPP International / Probal CAPES-DAAD, por 4 anos (2023-2026). Como parte do projeto inicial, os grupos de pesquisa participantes da Alemanha (Mazzoni, Pereira) colaboraram com parceiros brasileiros (Santos, Nery, Eizirik) para organizar workshops em genômica. Os workshops foram criados para disseminar o conhecimento sobre genômica aplicada a espécies neotropicais e para expandir a rede do GenoTropics. O primeiro workshop, focado em métodos genômicos aplicados a espécies não-modelo, será realizado em maio de 2023 no Instituto de Biologia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Projetos

Pesquisadores

Ricardo J Pereira

"A partir de espécies existentes e reprodutivamente isoladas, é difícil identificar quais genes iniciam o processo de formação de espécies e como eles afetam a evolução da linhagem ao longo do tempo - o "mistério dos mistérios" de Darwin. No meu grupo de pesquisa, aplicamos métodos de genômica populacional a uma variedade de táxons com hibridização que funcionam como janelas para o processo de formação de espécies. Esses métodos oferecem percepções sobre questões fundamentais da evolução e sobre questões práticas da biologia da conservação. Eu imagino usar a rede GenoTropics para promover colaborações igualitárias entre museus de História Natural na Alemanha, onde os métodos genômicos são uma prática comum, e instituições de pesquisa no Brasil, onde a diversidade em nível de espécies e genética é maior."

contact
Junte-se à nossa lista de contatos

O consórcio GenoTropics se dedica ao avanço da pesquisa genômica em espécies neotropicais. Para atingir esse objetivo, gostaríamos de nos conectar com pesquisadores e estudantes do Brasil e de outros países que compartilham nossa paixão pela genômica.  Por meio de nossa lista de contatos, você poderá se informar sobre os próximos workshops, reuniões e outros eventos e oportunidades relevantes para toda a rede de pesquisadores.

​​

genotropics@gmail.com

Obrigado por enviar!

ICB UFMG.jpeg
pucrs-logo-EE4D58B1E6-seeklogo.com.png
16_Naturkundemuseum_Bildschirm_transparent.width-500.png
bottom of page